Formação 2021 em Portugal

"Hoje é o dia em que agarro o meu mundo com as minhas próprias mãos e... sem luvas".

Gostávamos que sentisses se é este o caminho para o que procuras.

Que tal ler, ouvir e talvez até contar histórias verdadeiras e tocantes, ao contrário das outras ideias que já não te dizem nada?

"Há algo dentro de mim que quer expressar-se, mas...?"

"Como seria saber que quando quiser posso  fazer algo profissionalmente que se pode conjugar com a família, outros  trabalhos e os amigos e que ainda me faz sentir prazer?"

"Como seria fazer algo que me traz felicidade por ajudar os outros e ainda ajuda a que a minha vida se torne mais tranquila?"

Estamos a abrir uma nova turma de Formação em Terapia Comunitária Integrativa em Portugal.

Se sentes que esta pode ser uma porta para ti, sente-te muito bem vinda(o)!

Como é a formação?

Diante do atual confinamento e de sua provável prorrogação, estamos a nos organizar para realizar os primeiros módulos online.

A formação é um processo no qual o aspirante a terapeuta comunitário estuda as bases teóricas da metodologia, treina a condução das rodas e trabalha os seus próprios conteúdos internos, num clima de acolhimento e crescimento conjunto cultivado entre a equipa de formação e os alunos.

A metodologia da formação consiste em 3 pilares: 

O conteúdo programático da formação é composto pelas bases teóricas da TCI. A saber:

  • A Arte de Cuidar
  • O Conceito de Resiliência
  • A Metodologia da Roda
  • O Pensamento Sistémico
  • A Teoria da Comunicação
  • Lidar com a Crise
  • Acção e Reflexão segundo Paulo Freire
  • Raízes Culturais
  • Pilares da Formação

A formação tem carga horária de 182 horas e é constituida por módulos, intervisões e estágio prático. 

Os módulos são os encontros em que apresentamos as bases teóricas da TCI, treinamos a condução da roda e trabalhamos a pessoa do terapeuta. As intervisões são os encontros para acompanhamento dos alunos, nos quais estes têm a oportunidade de relatar as suas experiências na condução de rodas. No ano de 2021, nossas intervisões serão online. O estágio prático pode ser iniciado logo após o primeiro módulo, o que incentivamos para que o aluno possa aproveitar ao máximo as intervisões para tirar as suas dúvidas e expôr as suas dificuldades.

Quem cuida precisa de ser cuidado e isto é fundamental para um terapeuta comunitário. Na nossa formação, este cuidado acontece de várias formas: pelo acolhimento e atenção dedicada a cada aluno; pelo acompanhamento da sua trajectória como terapeuta comunitário e pelo apoio para que ele possa aprofundar o seu processo de autoconhecimento. Durante a formação, este aprofundamento acontece nas rodas que realizamos e, principalmente, nas vivências corporais que experienciamos. 

Aplicação da TCI

O que poderei levar daqui para a minha vida, na prática?

Certificado Internacional de Terapeuta Comunitário Integrativo pela AMISAC, AETCI e ABRATECOM.
Poder ser autónomo e ao mesmo tempo fazer parte da rede mundial de terapeutas certificados a partir do momento em que termines as formações (a metodologia da TCI sugere que estejam pelo menos dois terapeutas certificados em cada circulo de partilha).
Competências específicas integradas e testadas em ambiente vivencial já com experiência de campo, on-site.
Melhorias individuais a nível de evolução, crescimento e desenvolvimento pessoal.
Melhorias na saúde mental e física.
Coração mais aberto para o mundo.

Terás a oportunidade de experiênciar algo que pode ir bem para além de ti mesma(o)...


Fotografias da primeira formação de 2019, no ginásio em parceria com a Junta de Freguesia de Carnide em Lisboa. 


Por conta da situação pandémica em que nos encontramos, cancelámos a formação de 2020 por falta de condições estruturantes para a realizar. Vamos avançar com a nova formação em 2021 em espaço mais abrigado em zona rural, perto de Lisboa e com grupos presenciais pequenos, além de grupos online e vídeos de formação teórica. 

Estamos a tomar precauções para a realização das vivências (que envolvem encontros presenciais). 

Havendo bom tempo, podemos estar ao ar livre e todos juntos. Em caso de chuva, as vivências serão realizadas em espaço fechado, com no máximo 5 alunos de cada vez.

Quem pode ser terapeuta comunitário

    Para ser terapeuta comunitário não existe nenhuma exigência de formação académica anterior. Esta formação é indicada para profissionais envolvidos ou que tenham vontade de se envolver em algum trabalho comunitário, para pessoas de mente aberta que tenham vontade de dinamizar grupos, que aceitem se conhecer e aprender com a sabedoria das pessoas que encontram  nas rodas.

    Seja onde for que vás conduzir as tuas rodas, verás que se forma ali uma comunidade. Terás a oportunidade de acolher as pessoas com a tua escuta activa e perceberás que te tornarás terapeuta da comunidade.

    Existem vários tipos de comunidade. Elas se formam num bairro social, num condomínio de luxo, num clube de futebol, numa empresa, entre outras. Independente do local onde actuares, sugerimos que leves em conta as instruções da Professora Maria Lúcia Andrade Reis sobre as características do(a) candidato(a) a terapeuta comunitário (a):

    • Vontade de actuar para o fortalecimento de redes sociais e comunitárias
    • Ser corresponsável na construção de uma cultura solidária
    • Ter gosto para actuar em equipa, numa perspectiva transcultural.
    • Estar aberto a inovações, à pluralidade sociocultural e capacidade para evitar todo o dogmatismo ideológico que cria dominação e exclusão.
    • Ter conhecimento da comunidade e/ou do público onde actua. 
    Se sentes necessidade de fazer algo diferente e és capaz de fazer algo por ti e também para além de ti, és tu mesma(o) que serás a(o) próxima(o) Terapeuta.

Compromissos do Aluno

Para ingressares na formação e entrares na rede de Terapia Comunitária Integrativa, é fundamental que te estejas disposto a trabalhar internamente, pois só assim poderás cuidar dos outros na comunidade.

Esperamos que o aluno venha com a confiança para receber os cuidados que temos para oferecer, que tenha abertura para conhecer o que temos a apresentar e o compromisso para participar de toda a carga horária da formação.  Serás sempre apoiado durante e depois da tua formação. 

Equipa em Portugal

Selma Hinds: Dentista, Terapeuta de Casais e Família e Terapeuta Comunitária desde 2003. É formadora com experiência internacional e ex-presidente da Associação Brasileira de Terapia Comunitária Integrativa. Fundadora do MISCRJ.

Raquel Martinho: Presidente da AMISAC, Psicóloga, Membro Efetivo da Ordem dos Psicólogos Portugueses, Terapeuta de Casais e Famílias, Terapeuta Comunitária desde 2006 e mestre em Saúde Colectiva. Junto com Selma Hinds, foi pioneira na formação em TCI no Rio de Janeiro e desde 2019 tem vindo a erguer o primeiro polo Português. 

Cláudia Villarino: Estudou gestão de empresas e pedagogia. É Terapeuta Comunitária desde 2008 e formadora no MISCRJ. Atua como consultora nesta edição da formação. 


Equipa de apoio


Katia Soares: Professora de Ensino Fundamental e Médio de escolas públicas e privadas do Rio de Janeiro - graduada em Estudos Sociais e Licenciada em Geografia. Gestora e orientadora educacional nas redes públicas e privadas do Estado do Rio de Janeiro. Terapeuta Comunitária e autora de livros didáticos para Sistema de Ensino Fundamental. 

Luís Trindade:  Creative Life Change, Terapeuta Comunitário, Practitioner Generative Change: Generative Trance, Consultor de Panorama Social e psicologia de Espaço Mental, Trainer de Programação Neurolinguística e de Possibility Management.

Teresa Neves: Farmacêutica. Pesquisadora em Saúde Pública da Escola Nacional de Saúde Pública -ENSP/FIOCRUZ. Mestre em Comunicação e Cultura pela UFRJ, Doutorada em Comunicação e Saúde do Instituto de Comunicação e Informação Científica e Tecnológica em Saúde-ICIT/FIOCRUZ. Docente e orientadora do Curso de Residência Multiprofissional em Saúde da Família ENSP/FIOCRUZ por 15 anos. Terapeuta Comunitária.




A AMISAC é um polo formador reconhecido pela Associação Brasileira de Terapia Comunitária Integrativa (ABRATECOM) e pela Association Européenne de Thérapie Communautaire Intégrative (AETCI), sendo membro desta última. A nossa certificação é feita em parceria com estas Instituições.


Carga Horária

    A carga horária é de 182 horas, sendo 84h de módulos teóricos vivenciais, 42h de intervisões e 60h de estágio prático em que cada aluno tem que conduzir no mínimo 30 rodas de TCI por conta própria.

    Cada aluno tem até dois anos para concluir todo o estágio.

DATAS DA FORMAÇÃO

Horários dos módulos:

Sextas-feiras (20:30h às 22:30)

Sábados (8h às 20h)

Domingo (9h às 12:30h)

Horários das intervisões:

Quartas-Feiras - Online (20:30h às 22:30h)

Encontros presenciais e online. 


Ver mais informações sobre preços, local da formação, refeições e dormidas aqui.

Para receber informações detalhadas, entre em contacto 


"Quando a boca cala o corpo fala, quando a boca fala o corpo sara"